Um Blog que visa informar, conscientizar e diminuir preconceitos frente á uma Rara Doença...
Minha caminhada pessoal contra um Tumor Cerebral localizado na Glândula Hipófise.
Uma Luta contra a Síndrome de Cushing!! Vencendo!!

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Desabafo


Já de antemão, aviso que essa postagem não tem nada de purpurina, positivismo, ou mensagens alegrinhas!! Precisava de uma válvula de escape!! Pode até ser que me arrependa depois de publicar essa postagem, mas essa é uma das alternativas para retirar essa angústia persistente, frente a momentos pertinentes!!

Leia quem quiser!!

Estou vivendo uma fase da minha vida, que se eu não mantiver Fé e Esperança, desmorono!!
Busco uma força maior que todas, para manter a felicidade, o riso; luto todos os dias com o medo do conhecido-desconhecido;  luto contra meus pensamentos negativos, contra meu desespero interno; luto tanto diariamente que ao me deitar me sinto exausta, e nem sei mais quem sou eu!! Será que perdi até mesmo a minha tão conquistada autenticidade??

Apesar de estar cercada de pessoas de coisas materiais, sinto um abandono indescritível, é como se eu estivesse a me despedir de tudo e de todos, e como se eu estivesse perdendo o meu lugar nesse mundo!! Como se não pertencesse a mais nada!!

Mantenho a vida, me coloco forte e sorridente, não quero afastar de perto de mim os poucos amigos que ficaram!! Pois sei que minha família por mais chata, chorona que eu esteja, esses sim não vão me abandonar, nem me ignorar...

Lidar com essa transformação caótica da minha vida parece que vem pesando mais agora, acho que é o acúmulo dos anos anteriores... Acho que antes eu acreditava realmente, sem nenhuma dúvida, que tudo iria melhorar, que as coisas tinham esperanças... E que realmente eu teria tempo e forças para superar tudo o que me aconteceu!! Já Agora, nem tanto... Isso não significa que eu tenha desistido de lutar pela vida que idealizei para mim, mas que talvez eu não confie tanto assim que as coisas possam melhorar, e que muitos dos meus sonhos possam vir a se realizar...

Minha mãe costuma-me dizer que o Homem que não possuí sonhos, ou planos, morre, sucumbi... Então pelo menos por essas semanas estou á sucumbir!! Não quero planejar nada para não me frustrar... Não quero sonhar o que se julga impossível!! Já fiz muito isso na minha vida!! Antes eu não ligava para a frustração eu superava, e o que era impossível eu me contentava em apenas sonhar!! Sempre fui uma sonhadora nata!! E até essas minhas qualidades de superação essa doença está levando!! Ela está levando de mim tudo, de forma sorrateira e silenciosa, está tirando minha vida bem debaixo do meu nariz!!

E eu?

Bem eu tento, tento sim esquecê-la, mas ela insiste em se fazer presente á cada limitação, Tento apaga-la, mas essa se mostra á cada horário de medicação, se faz presente a cada olhar quando me encontro com conhecidos que não me veem á tempos, ou com desconhecidos que não conhecem minha história, se faz gritante frente às dores e mal-estares, se exibe quando olho no espelho e pouco reconheço a menina despreocupada, bonita, engraçada, independente, alegre e cheia de sonhos e esperança na vida, de três anos atrás...

Isso sem falar em aparência física, pois isso já me foi dolorido algum dia durante o adoecimento, hoje já não me machuco mais com o excesso de peso, as unhas frágeis, a pele manchada, ressecada, o cabelo que se perdeu e hoje tornou-se fino com falhas, as cicatrizes cirúrgicas e as deixadas por medicações e pela própria doença...  Eu Falo de qualidade de vida, qualidade de vida que nem com tratamentos paliativos se consegue alcançar!! Cura então está difícil de acreditar!! É F*** falar isso, eu tento todo dia me convencer que ela existe e pode acontecer, mas que anda difícil anda!!

Eu sei que do mesmo jeito que o adoecimento levou aquela Karina antiga embora também trouxe uma nova!! Concordo e sempre concordei com todos os benefícios que a doença trás para nós, em questão de evolução espiritual, uma nova visão de vida, novos conceitos, aprendizado, (sem falar nas amigas novas)... Mas também me trouxe muitos prejuízos, medo, insegurança, desconfiança... Coisas que antes meu coração não tinha!!

Medo: de perder quem amo, medo de perder qualquer coisa, medo do futuro, medo da dor constante tanto física como emocional.

Insegurança: diante da vida, das situações do cotidiano, das decisões a serem tomadas.

Desconfiança: de realmente não ser amada, das palavras ditas, do olhar do outro, do acompanhamento médico!!

Coisas  bobas, que pode ser, que passem hoje, amanhã, ou daqui á algum tempo...  Mas espero de verdade que passem!! Pois essa NÃO SOU EU!!!

32 comentários:

Keila Rocha disse...

Amiga, só posso dizer q tiamu, tá??? Tô aqui bem longe mas bem perto para qdo vc precisar....bjoooo

Felipe Mota disse...

Oi Karina, tb to vivendo isto. Não tenho o q te falar, pois pra mim tb tá dificil.

Eu agradeço pela família que tenho e por estar sendo bem cuidado.

O resto já entreguei nas mãos de Deus

Boa sorte, força

Cida Villela disse...

Karina querida, você é cada vez mais uma referência para mim e não é sendo verdadeira que vai deixar de ser, muito pelo contrário! Com certeza é muito difícil para você e vc está dizendo o que muitos de nós quer dizer. O fato é que não temos opção não é mesmo? E ainda bem que até estes momentos passam. Muita força! Hoje também constatei que estou distante de sair dessa doença, mas vamos em frente, não é mesmo? Depois visite meu blog que estou contando o que aconteceu. Muita energia para você! Grande beijo. Cida

Adriana Ligia disse...

Oi, Karina, como você mesmo disse é f..., está exausta, mas não desiste, força... estou orando por você.

Pati Costa disse...

Ka, eu acho mesmo que vc tem que desabafar, soltar os bichos, se revoltar, chorar. Tudo isso é humano e vc tem todo o direito. Só tente não perder a fé. Sei que é fácil falar :/

TE AMO!!

Lilian disse...

Amiga querida, não tem como não se emocionar ao te ler, não é uma meninha quem fala, é uma gigante, um titã diante desta doença maldita que nos rouba da gente, que maltrata, que fere e consome nossa energia. Eu sei que como eu, sua mãe, sua familia daria qualquer coisa pra te livrar de tudo isso, e que embora não possa sentir, é sim, muito, muito amada, que diga o nosso quarteto. Seu desabafo demandou muita coragem, dizer de sua condição de medo, de cansaço, de estranheza e revolta diante das possibilidades que tem, é de uma coragem impar. Dá um orgulho danado ser sua amiga, dá uma tristeza maior ainda não poder estar perto de você, pra que me leve ao cinema ( as duas mascadas é claro), pra comermos minhoquinhas escondidas de mamis, e fazer cara de felizes com a sopinha sem sal.
Com certeza não irá se arrepender do post, porque ele ficou de uma grandeza,digno da pessoa forte que é, embora esteja fragilizada agora, e tem toda razão e direito disso,és uma fortaleza, um exemplo de força e de fé. Se o conhecido-desconhecido te amedronta amiga, aproveite para viver, se esforçe e convença mamis a isso, em sair; cometa pequenos delitos, ria conosco, tente fazer um oásis neste deserto. Quantos os amigos, poxa, eles são uns babacas, quem me dera nao ter esses 700km nos sepando, e babacas amiga a gente não precisa.
Aff, eu sou mesmo muito metida a besta, dando conselhos a psicologa, sabe que sempre sonhei fazer psicologia? kkkk Agora não sonho mais, quer dizer, confesso, sonho com batatas fritas , mas eu to sabendo de mais alguem com o mesmo sonho... beijos amiga, um monte deles, um abraço apertado, te amo, amo, amo, amooooo

Solange disse...

Karina,normal e faz bem um desabafo desses, você é humana.
O que dizer???
Eu te amo, Deus também,sua família também, seus amigo... e esta doença não tem forças contra o amor. Grite, chore, xingue....mas desistir? NUNCA.
Bjos da Sol

Rebeca Coimbra disse...

Oi flor..passei pra te dizer q somos fortes mas não somos de ferro, tem dias q tá f### mesmo, da vontade de durmir uns 20 dias direto e reto, mas logo vem um novo dia, as forças se renovam e as coisas vão melhorando!!!To na torcida por ti guria!!
Beijoks

Marisa B R Calandrim disse...

Karina qdo não estou bem gosto de ouvir esta canção bem alta: As Dores do Silêncio da banda Rosa de Saron, ouvi muito na descoberta do diagnostico. Bjs que Deus te abençoe.

Felipe Mota disse...

Oi Karina, votei no seu blog

Felipe Mota disse...

Oi Karina, gostaria de te transmitir muita força. Você é uma menina adorável. Não deixe as dores do câncer dominarem vc. Reaja. Sempre há vida, numa flor, num gesto amigo. Viver mesmo nas piores situações, sempre é uma experiência. Renove suas forças em Deus, não pense no que vc está perdendo ou no que vai dar tudo isto. Viva a vida. Cada dia vai te trazer um ensinamento novo.

Saiba que vc não está sozinha. Todos aqueles que te amam tb estão sofrendo e este sofrimento, apesar de ser ruim, burila a alma e nos faz enxergar os verdadeiros valores da vida.

Mas vc sabe que está fazendo certo. Bote pra fora, extravase suas dores. Sempre terá o apoio dos seus amigos. Estamos todos juntos nesse barco.

Um forte abraço

Cancer de Mama Mulher de Peito disse...

Karina Flor Amada.
Nos momentos de desespero em que eu vivi.
Detestava ser chamada de guerreira, porque no fundo tudo o que eu queria era.
Que o Pai afastasse de mim esse cálice amargo, da vida que eu tinha que engolir goela abaixo.
Mas assim como vem a "revolta", não sei nem se essa é a palavra correta ou se existe alguma para traduzir tais sentimentos.
Vem também a esperança.
E internamente eu cantava para eu ninar.
...Segura na mão de Deus
...Segura na mão de Deus
...Pois ela ela te sustentará
...Não temas segue adiante NÃO OLHES PARA TRÁS
...Segura na mão de Deus e vá
isso acalmava o meu coração dolorido.
Sinceramente que desejo imenso que você fique bem.
Um grande beijo minha menina

Wilma

www.cancerdemamamulherdepeito@blogspot.com

Lucia Lombardi disse...

Querida, e normal o desabafo, se passar por isso para nois que ja somos mais velhos e dificil, imagine voce que e uma menina perto de nos! mas estou com as palavras da Wilma que postou antes de mim, Segura nas maos de Deus, voce ja sabe o que pode fazer para se livrar disso, basta crer, determinar e agir, o sobrenatural de Deus so age pela Fe.Beijos

jvianei disse...

Karina querida. Como nao tenho palavras q possam acalmá-la (digamos que sou limitado pscologicamente, rsrssrs), faço minhas as palavras da Wilma, postadas logo acima. Porém, acho que devo acrescentar umas palavras escritas por vc lá trás, em outra postagem: "Para que chorar se eu posso sorrir?? E se que quiser, eu posso fazer os dois ao mesmo tempo... Chorando de rir!"
Força aí menina!
Forte abraço
JVianei

ThAlItA gEa disse...

Karina...
Não perca a fé...
DEUS está contigoooo...
Acredite nisso sempre...

Jacira disse...

Oi, Karina.
Lendo esse desabafo lembro-me de quando me senti assim.
Minha vontade agora era poder te abraçar e dizer: um dia isso vai passar.
Sei que quando a gente está nessa situação nem sempre dá para ter apenas pensamentos que nos coloque para cima.
Mas vou pedir a Deus para te ajudar, para tirar essa angústia de vc.
Minha querida amiga,receba sempre meu abraço carinhoso e cheio de esperanças de te ver recuperada da mesma forma que eu já consegui.
Pode desabafar, pois seus verdaeiros amigos estarão sempre aqui para te ler, podemos até nos sentir impotentes por não termos o poder de te dar a cura, mas certamente vamos sempre elevar nossos pensamentos a Deus para que tu tenhas logo alívio para essas dores e possas ser curada.

simone bueno disse...

oi karina eu sei bem o que esta passando,eu tambem passo por isso .minhas noites sao traiçoeiras e meus .dias sao dentro de casa ,so saio pra ir ao medico efazer muitos exames.me afastei dos meus amigos pra nao ter que da explicaçao sobre minha aparencia.mais tenho minha familia do meu lado sempre.vc e minha referencia.acho queDEUS tem um proposito pra nossa vida.bjs simone

Cristina Ramalho disse...

Oi Ka, olha amiga diante de tudo que sente que está perdendo, te digo... busque tudo de novo na FÉ, sei que às vezes é difícil sentir qdo tudo parece desmoronar, mas só ela que nos faz sobreviver nos dias dificieis, Ore bastante, peça força, se firma na FÉ.... estou sempre aqui querida... bjo,

Anônimo disse...

Oi! É estranho quando descobrimos que temos uma doença rara. Nunca achamos que acontece conosco. É natural seu desabafo porque é o que temos vontade de fazer. Ficamos fingindo fortaleza quando na verdade, só queremos chorar muito.
Acho que uma das coisas que aprendemos é a não deixar de dizer o que pensamos ou sentimos para as pessoas que amamos, amigos ou em nossos momentos mais dificeis desabafar.
Mas, Karina...Acredito que nada na vida é sem sentido. Você trouxe uma força enorme para tanta gente. Pessoas que não teriam metade da sua garra e coragem. Por mais que esteja triste agora e temporariamente desanimada, há sempre uma esperança e nunca esteve sozinha. Sei que vai dar a volta por cima e continuar tirando forças de onde não tem. A vida o que é, senão um palco de eterno aprendizado e motivos para lutar e vencer desafios.
Torço e rezo por você, não só pela simpatia que já sinto pela pessoa, mas por saber que de certa forma você é um espelho de uma luta que vou ter que começar a travar. Se você não vencer, como posso acreditar que vou. Garanto que você foi e está sendo mais forte e corajosa do que eu sou ou serei.
bjo, torço por você. Desabafe mas nunca desista. Enquanto há vida, há esperança. Entregue a Deus. Foi ele que te criou, ele tem direito de decidir a forma como vai passar a vida e te garanto que ele espera que você lute e vença os obstáculos.
Até Jesus teve um momento de desabafo mas ele nunca deixou de acreditar que por trás do sofrimento havia uma recompensa.
Continue lutando.

duendes disse...

Ola Karina ,
oque dizer diante de um desabafo como este....é dificil mas enfim precisamos pensar nas pessoas que nos amam e seguir em frente tendo fé no nosso criador....eu ano passado tive um cancer e muito medo senti sei oque vc passa mas precisamos enfrentar as nossas provaçoes.... estou me curando tenho meus momentos que sò eu sei ....Enfim minha flor voce é uma grande guerreira lute por voce ,por quem tanto te ama e siga em frente pois a vida vale à pena !!!beijocas mil .Quando quiseres distrair temos novidades no blog ok.

Cristina disse...

Karina
Não sei o que poderia te dizer e que acalmasse tua alma. O que posso te falar é que você é uma pessoa muito especial, iluminada e amada. E que por mais que esteja difícil sua caminhada saiba que Jesus caminha contigo, Ele te carrega no colo. Torço por ti. Um abraço e força! Bjss

Nadja Prado disse...

Karina...

Nem sei como cheguei aqui, mas é certo que nada é por acaso!
A pouco saí de um blog onde a proprietária deve morar no País das Maravilhas...
Sei que é importante sermos zen, mas não ao extremo, não é?
Afinal, vivemos numa sociedade onde as coisas mais inimagináveis acontecem dia após dia!
E, lendo um pouco sobre o seu drama, gostaria de dizer que você tem todo o direito de desbafar, dizer o que pensa, colocar seus medos pra fora, afinal, nem tudo na vida são mil maravilhas!
O que eu desejaria lhe dizer, neste momento, é uma coisa só: busque controlar sua mente, mesmo que seja quase imposível num momento como o seu.
Eu sofro de Fibromialgia, já tive crises horríveis de dores pelo corpo, cheguei pedir a morte, mas consegui controlar a doença.
Mas busque de algum jeito não perder o controle de suas emoções...
Seja por meio de sua fé, se fo o caso.
Mas não perca as esperanças!
Esperança é a única ligação que a gente tem coma realidade, por mais dura que seja.
Desejo-lhe PAZ!
E continue gritando, é bom, faz bem!


Bjksss

Nadja Prado disse...

Bonitinha,

Tenho outro blog tb!

É o Falanakara... Vou postar algo sobre você, ok?


Bjksss

Anônimo disse...

Não tenho muito a te dizer,só q continue com sua força,e quero q saiba q seu blog me ajuda muito quando passo por momentos de depre por causa do cushing.
Um grande beijo,e continue postando msm q seja um desabafo,pq eu sei q nos sentimos melhor quando colocamos os sentimentos p/ fora.

Esperança disse...

Minha doce irmã,


NÃO ESMOREÇAS

"Não temas as coisas que tens de sofrer . . ." - Apocalipse, 2:10.
Confia na Divina Providência que te deu a vida, e nunca esmoreças.
Ainda que os teus melhores propósitos apareçam frustrados, não te desencorajes nas empresas de elevação.
Perseverança é a base do êxito na realização de todas as boas obras.
Ainda que as tuas mais belas esperanças se esfumem, ao toque de inesperados desenganos, não te abatas sob o peso de
inquietações desnecessárias.
Recomeço de ação desmantelada é construção de segurança.
Ainda que te acusem indebitamente, com recordação de delitos dos quais não tiveste o mínimo conhecimento, não te
afastes dos encargos que a existência te reservou.
O tempo falará por ti, no momento oportuno.
Ainda que a tarefa em tuas mãos se mostre aparentemente perdida, não desesperes.
Fracasso é lição para que se faça o melhor.
Ainda mesmo que essa ou aquela enfermidade te ameace a estabilidade orgânica, não desanimes.
O Auxílio Invisível da Espiritualidade Superior possui veículos inúmeros de socorro, a fim de trazer-nos reequilíbrio e
renovação.
Ainda mesmo quando as afeições mais queridas te deixem a sós, não te permitas entorpecer os braços ante o frio da
solidão.
O amparo da Vida Maior te guiará no rumo de corações outros que te abençoem a presença e te garantam as energias
para que não falhes nas realizações edificantes para as quais te diriges.
Seja qual for a provação que te assinale o caminho, jamais esmoreças.
Mantém-te na confiança em Deus e espera por Deus, trabalhando e servindo na edificação do bem de todos, tanto
quanto isso se te faça possível, porque Deus também confia, esperando por ti.

Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Livro: “Recado do Além” - Edição IDEAL

Ana Arend disse...

Querida Karina, sei que é difícil, só vou deixar uma pequena luz, mentaliza todos os dias...com fé...sinta verdadeiramente as palavra...EU SOU A RESSURREIÇÃO E A VIDA DE MINHA SAÚDE E FELICIDADE....quanto mais vezes fizer a energia de tuas células irão reagir...Jesus usava essas palavras para curar...Que a chama violeta a envolva e proteja...Assim seja...Bjos no coração...

O SOL do amanhã... disse...

Força...força...força!!!

Regina Rozenbaum disse...

Já faz dias dessa sua postagem- desabafo e desejo que com a passagem deles um pouco, pelo menos um pouco, do desânimo tb! Já disseram aí prá cima todas as palavras, orações, pra que tenha fé, força e esperança. Eu não vou fazer isso...vou dizer que tem tooooodo o direito desse sentimento. Então grite, chore, desabe, xingue em alto e bom tom um TAQUESPARIUUUUUUU (é baum dimaisss, agarantcho, sô!)e SIGA em frente minina amada...SIGA!!!!
Beijuuss n.a.

Solange disse...

Oi Karina como você está?
Beijos no coração...saudades.

Sol

Cristina Ramalho disse...

Ka tô passando para te fazer um convite, conhecer meu mais novo cantinho...
http://aminhapazvosdou.blogspot.com/
Um lugar cheio de fé e esperança, te espero para uma visita...
bjo,

Fabiane Secomandi disse...

Karina, estou pasma com tudo o que estou lendo. Passo por uma fase complicada em que pesquiso e desconfio das doenças em mim, mais do que os próprios médicos que não acham o que eu tenho. Tenho fibromialgia e isso dificulta qqr diagnóstico. Fiz tratamento errado por mais de 2 anos, com muita cortisona, e tenho todos os sintomas dessa síndrome que acometeu você. Desde "giba", até estrias, e lesões próx. ao pé. Vou procurar um endócrino amanha mesmo, e continuar seguindo seu blog. Alguma vez teve a sensação de sentir a hipófise "pulsar"? Jesus... Deus que te proteja e proteja todos nós, ainda sem diagnósticos e largados ao vento. Bjs. Fabiane. (f.secomandi@gmail.com)

Angélica Moura disse...

Achei seu blogue pois estou lutando a mais de um ano por vários sintomas que apresentei e ninguém me diz o que pode ser... Hoje fui ao Reumatologista e ele disse pode ser Sindrome de Cushing ou SAAF (Sindrome do anticorpo anti fosfolipide). Acho que é assim que se escreve. Tudo isso por conta de uma troboembolia pulmonar! Fiquei com um pé na cova e outro na casca de banana! Menina quase que eu fui... Engraçado que quando comecei a ler seu blog eu me identifiquei com vários dos seus sintomas. O primeiro foi o da menstruação que foi sumindo aos poucos, chegando a aparecer apenas uma vez ao ano! Depois foi os benditos pelos no rosto, principalmente logo abaixo do queixo, no abdome nas pernas, nas coxas (eu virei o sonho de consumo das depiladoras!). Ai não contente meu corpo aparece com a tal da insônia e junto com a irritabilidade! Quando eu já estava farta de tudo isso, exatamente ano passado em junho pertinho do meu aniversário, apareci com uma tal de tromboembolia pulmonar! Hã?! Isso mesmo esse palavrão. E pra fechar a briga inconsciente do meu corpo contra mim, esse ano eu tive um cisto no ovário roto! Sim eu sou uma lenda como você! E depois de meses na luta com médicos, justo hoje o Reumato disse: Pode ser Cushing ou pode ser SAAF... E agora estou eu cá com uma pilha de exames para fazer e sabe o que é melhor de tudo que eu nem mais ligo! Eu me ocupo com outras coisas. Pensei que ia morrer e não morri, então tô no lucro! Eu penso positivo e tiro sarra da minha própria cara, pq ter esse tanto de doenças que eu tive e estar bem no mínimo devo ser chamada de Chuck Noris! Eu sou foda e sou uma lenda! Beijos mais nova amiga, na alegria e na doença!
Haaa te adicionei no Facebook!