Um Blog que visa informar, conscientizar e diminuir preconceitos frente á uma Rara Doença...
Minha caminhada pessoal contra um Tumor Cerebral localizado na Glândula Hipófise.
Uma Luta contra a Síndrome de Cushing!! Vencendo!!

sábado, 17 de julho de 2010

O que é Cirurgia Transfenoidal???

Procedimento Cirurgico Transfenoidal Endoscópico

video

Cirurgia Transfenoidal Endoscópica para retirada de Tumores Hipofisários!!



ATENÇÃO:

ESSE CONTEÚDO PODE SER FORTE PARA ALGUMAS PESSOAS...

TRATA-SE DE UMA CIRURGIA NA ÍNTEGRA...

USE O SEU CRÍTERIO ANTES DE ASSISTIR AO VIDEO...



A cirurgia é executada geralmente através do nariz (cirurgia transfenoidal), o que evita ter que atravessar o cérebro para alcançar a glândula hipófise. A via transfenoidal é apropriada mesmo para tumores muito grandes, desde que estes tumores possam ser adequadamente removidos através desta via.


Por vezes (quando são muito grandes ou invasivos) estes tumores não são completamente curáveis, mesmo com cirurgia mais agressiva (via transcraniana). Nestes casos, o objetivo é reduzir o tumor, e não removê-lo completamente. No caso dos tumores menores, a cura completa pode ser um objetivo razoável de ser alcançado.

O fator mais importante para conseguir resultados cirúrgicos ótimos nos grandes tumores da hipófise, é a experiência do cirurgião.


A cirurgia transfenoidal é melhor realizada pelos neurocirurgiões que executam muitas operações destas em cada ano, e documentam bons resultados com baixas taxas de complicações.


Principais complicações:

  • Fístula Liquórica
  • Diabetes Insipidus
  • Lesão do Nervo óptico
  • Formação de Sinéquias
  • Infecções (como meningite e/ou Sinusite)


                             

"Essa foi a primeira cirurgia que eu realizei em 19 de Abril de 2010...
Eu tive 3 dessas complicações; no próprio centro cirurgico eu tive a formação de fístula (que necessitou de enxerto - retirado um pedaço da coxa + cola biológica - para fechá-la), e no pós operatório desenvolvi Sinusite (que foi curada com 21 dias de antibióticos) e a Diabetes Insipidus (do qual ainda uso o hormônio DDAVP para controlar o desenfreio da diurese)...

Mas não me arrependo detê-la feito. No meu caso não obteve a cura imediata, mas em 80% dos casos (de tumor produtor de ACTH - Cushing) elas são bem sucedidas em primeira instância..."

Até Breve!!!

Nenhum comentário: